Páginas

25.10.09

Design Sketches - O Dragão do Ventre de Ouro





As duas primeiras imagens são esboços para cenas ilustrando uma sequência onde o personagem principal do livro escapa de um liopleurodonte (um animal marinho que realmente existiu, acredita-se ter sido o maior predador marinho de todos os tempos), escalando uma corda de uma caravela. A cena com a criatura trespassada pelo mastro não é totalmente fiel ao que acontece no livro, no livro o liopleurodonte não morre etc.

As duas imagens seguintes são os primeiros estudos para o design dos dragões, antes de fazer algumas ilustrações para o livro O Dragão do Ventre de Ouro, escrito por Eric A. A. Oliveira, a ser publicado em breve pela Solisluna Editora.
Bem longe do visual final, mas achei legal postar aqui, para mostrar as tentativas e experimentações com o design dos dragões. O primeiro está mais cômico do que ameaçador. O segundo, apesar de baseado na estrutura de um dinossauro real, ficou parecendo bastante com uma galinha (de certa forma, um descendente direto dos dinossauros, segundo alguns: http://www.ucmp.berkeley.edu/diapsids/avians.html).
Caso interessante de como a opção por uma anatomia mais realista, mais plausível e provável, pode entrar em conflito com as necessidades "simbólicas" de um personagem, especialmente os de um gênero ou espécie já célebre. Todos pra quem mostrei acharam pouco ameaçador demais e parecido com uma galinha.
É impressionante como apesar de ninguém ter visto um dragão e todo mundo crer que sejam seres fictícios, ao mesmo tempo, todo mundo tem bem claro os signos que compõem um dragão (asas de morcego, aspecto de réptil, muitos dentes afiados etc) e procuram estes elementos logo que olham pra um dragão. Não descartaria um dragão que pareça muito com um dinossauro, acho legal fugir do cliché. Mas, infelizmente, desde o início queria que ele parecesse ameaçador, perigoso, "predador".

..........................................


The first two pictures are sketches for the scenes illustrating the action sequence when the book's main character is chased by a liopleurodon (a sea creature which really existed, and is believed to be the biggest marine predator of all times). The boy escapes from it climbing a rope hanging from a caravel (a ship like a galleon). The cene with the creature dying, with the mast through his throat, isn´t completely true to the book - I was experimenting with drama elements etc.

These are the first character design studies, before making final illustrations for the book O Dragão Do Ventre de Ouro (something like: "The Dragon of the Golden Belly"), by Eric A. A. Oliveira, to be published soon by Solisluna Publishing.
Very far from the final designs, but I´ve thought it would be interesting to post them here, to show the trials and experimentation with their anatomical features.
The first one looks more funny than threatening. The second one, despite having his skeletal structure very close to a real dinosaur, ended up looking a lot like a chicken (it makes sense, as birds are believed to be direct descendants of dinosaurs: http://www.ucmp.berkeley.edu/diapsids/avians.html).
An interesting case of when a more anatomically believable approach for a creature design can conflict with the "symbolic" needs of a character, specially one of a very known genre/species.
Everyone I've shown this second design said that it lacked that threatening feel of dragons and that it looked too much like a chicken.
It's amazing how, despite nobody having ever seen a dragon and everybody believe they are only fiction characters, everybody have a very clear picture of how a dragon should look like, their signs (bat-like wings, lots of big sharp teeth etc) and how people look instantly for these signs when someone show them a picture of a dragon.
I still think a dragon whith very dinousaur-like features would be a very cool approach, I think it's good to try to avoid clichés. But in this specific case, unfortunately, one of the foundational concepts I was moving toward was that of a menacing, threatening creature.



Já no design 3 o dragão partiu para um visual mais ameaçador, agressivo, e mais exagerado, quase caricato. O design 4 dificilmente seria aprovado em algum filme, animação ou livro, mas não deixa de ser interessante. :-) E pode parecer surreal, mas não é nem um pouco. A natureza está cheia de coisas assim. Como os pterossauros, nos quais eu me baseei - muitos têm um visual mais louco até do que isso.

.........................................

Now in design 3 the dragon turned to a much more threatening, agressive direction, and more exagerated, almost caricatured. I guess design 4 would be very hard to get approval in a movie, animation or book, but I believe it's a very interesting look. Weird, but interesting. :-) It may seem surreal, but don´t believe so. Nature is full of bizarre things like this. Like pterosaurs, in which I based it off - many pterosaurs have an appearance even crazier, funkier than this.

2 comentários:

Ian disse...

ficou do caralho esse estudo do dragão de cabeça vermelha também, mas o que eu mas gostei foi o dragão voando em pb acima das nuvens!!

athos disse...

Valeu, Ian!
Eu também gostei desse dragão mais bizarro. Ficaria massa.